Artigos

Gestão de negócios: Barreira de competência

O acompanhamento do ciclo de vida do produto tem se tornado cada vez mais um diferencial entre empresas consideradas de classe mundial.
16/09/2019

Existem duas maneiras de se estabelecer barreiras de entrada, a primeira que é a mais comum, através de barreiras tarifárias e a outra, menos comum a barreira de competência, onde a empresa está alinhada com as melhores práticas de eficiência e eficácia, com uma base competitiva compatível com os melhores indicadores (KPI) de desempenho da cadeia de suprimentos global.

A barreira de competência se destaca, justamente por estabelecer estratégias com diferenciais difíceis de serem copiadas, uma delas, por exemplo, é “matar” o produto ainda na fase de crescimento, antes que o concorrente possa copiar. Essa estratégia toma como princípio que na fase de maturidade o projeto e o processo podem ser melhor assimilados pela concorrência e a cópia será inevitável. Porém, o novo produto consegue diferenciais que podem tornar obsoleto a cópia.

Fig.1. Curva de vida de produtos.
Fig.1. Curva de vida de produtos.

O acompanhamento do ciclo de vida do produto tem se tornado cada vez mais um diferencial entre empresas consideradas de classe mundial.


Continua depois da publicidade


Aliado a estratégia da administração do ciclo de vida de produtos, acrescenta-se o diferencial na execução do processo, se a empresa tem alta tecnologia na manufatura, mas, tem um produto considerado de média ou baixa tecnologia, então, está em um campo relativamente seguro, como mostra a figura 2.

A utilização de alta tecnologia na manufatura, como preconiza os fundamentos da Indústria 4.0, onde conectividade, flexibilidade, velocidade, sincronismo e inteligência, dificultam muito a ação de novos entrantes. O negócio, passa então, operar localmente com indicadores de empresas globais, isto se a empresa não quiser participar da própria concorrência na cadeia global de suprimentos.

Fig.2. Tecnologia do produto x Tecnologia da Manufatura.
Fig.2. Tecnologia do produto x Tecnologia da Manufatura.

Aprender a competir em ambientes altamente turbulentos, globais, aumenta a musculatura do competidor.

A era do conhecimento, produto da era da digitalização, onde informações em tempo real, passam a ser o grande ativo de uma empresa competitiva. É exatamente a Gestão do Conhecimento, e seu correto armazenamento das melhores práticas de mercado, é que se torna o grande diferencial, e se constitui em uma Barreira de Competência. Esta barreira se estabelece de fora para dentro da organização, onde estão exatamente as informações chaves da competição, a inteligência, e o próprio conhecimento a ser dominado. É no mercado onde a competição é levada a cabo, e não dentro da organização.

As empresas que operam a partir de uma visão de mercado, dominam, e criam o que se chama de Barreira de Competência. Normalmente é uma empresa difícil de ser batida.

Produzido por:

Sergio couto Sergio Zarat do Couto

Sergio Zarat do Couto, engenheiro de produção, iniciou sua vida profissional em 1970, depois de concluir o curso técnico em mecânica de produção em Piracicaba SP, sendo da primeira turma da região, e o Senai em Santa Barbara D’Oeste SP em mecânica geral, estudou engenharia de produção na Faculdade de Engenharia Civil e Industrial de Itatiba, formando de 1977. Em 1970 iniciou a carreira profissional como estagiário em uma grande empresa de Santa Barbara D’Oeste SP, e recebeu a missão da direção operacional de ajudar na implantação dos fundamentos de tempos e métodos de Frederick Taylor, Indústria 2.0 iniciada por Ford na fabricação de carros em 1929. A cronoanálise era o objetivo principal, como forma de ter uma visibilidade dos tempos de fabricação e implantar o controle de produção, PCP, para a análise do carregamento das máquinas. Nessa época foi implantado um computador pela IBM, com COBOL ,com a finalidade de ajudar a área administrativa, contábil e financeira e eventualmente...


Comentários

 


Artigos Relacionados

Manufatura 4.0 x Processo 4.0 - Imagem: Pxhere
Artigos

Manufatura 4.0 x Processo 4.0

O profissional de engenharia e o conflito com a realidade - Imagem: O Autor
Artigos

O profissional de engenharia e o conflito com a realidade

Este artigo tem como objetivo tentar identificar qual a influência do momento no qual nosso país se encontra para os profissionais de engenharia e qual seria uma postura mais adequada para esta...

Publicidade »

Publicidade »


Vantagens da Aplicação de Software de Agrupamento na Gestão dos Processos de Corte – Um Estudo de Caso - Perfilados Perfisa

A gestão do processo de corte tornou-se um fator fundamental para o sucesso das empresas que trabalham na transformação de metais.


Publicidade »

Publicidade »